Brachiaria Decumbens cv Basilisk – Incrustada (Superbona) – 10KG

Brachiaria Decumbens cv Basilisk – Incrustada (Superbona) – 10KG

R$253,70

Saiba mais sobre essa cultivar clicando aqui

19 em estoque

+ -
Comparar

Descrição do Produto

Informações Técnicas Brachiaria decumbens cv Basilisk

Os solos sob vegetação de cerrado, predominantes no Brasil Central Agropecuário, apresentam-se geralmente com níveis muito baixos de fosforo e com alto poder de fixação deste elemento quando adicionado ao solo como fertilizante. Um dos fatores mais limitantes para o crescimento de plantas tradicionalmente cultivadas em outras regiões com solos mais férteis.

Por outro lado, a Brachiaria. decumbens vem sendo introduzida muito intensivamente na região apesar de não se ter ainda dados de pesquisa sobre as exigências nutricionais desta especie e a capacidade dos solos de suprirem nutrientes para a mesma e em que espaço de tempo.

Como se trata de uma variedade de forrageira que se adapta muito bem em solo ácidos e inférteis, a cada dia a Brachiaria decumbens cv Basilisk vem sendo utilizado nas regiões de cerrado, onde o nível de nutrientes no solo são inferiores a de outras regiões, por essa e outras características a B decumbens é uma ótima escolha para solos de baixa fertilidade.

Características agronômicas: 

A B Decumbens cv Basilisk, é utilizada para pastoreio direto e fenação, é indicada para gado de corte e de leite, sua altura de manejo na entrada é de 30cm e na saída é de 15cm, tem o ciclo vegetativo perene e hábito de crescimento decumbente (prostrado), a altura de planta é de 0,6 a 1,0m, tem boa digestibilidade e palatabilidade, seu teor de proteína bruta na MS é de 6 a 10%, e apresenta produção de matéria seca de 8 a 12t/há/ano, sua tolerância a seca é média e ao encharcamento é baixa, tem média tolerância ao frio e é suscetível a cigarrinha, vai muito bem em solos de baixa fertilidade.

 

Nomes Comuns: Decumbens, Braquiarinha
Ciclo Vegetativo: Perene
Hábito de Cresc: Decumbente, prostrado
Altura da Planta: 0,6 a 1,0 m
Tolerância ao Frio: Média
Palatabilidade: Boa
Proteína Bruta na MS: 6 a 10%
Produção de MS: 8 a 12 t/ha/ano
Tolerância à Seca: Média
Tolerância ao Encharcamento: Baixa
Digestibilidade: Boa
Tolerância à Cigarrinha: Suscetível
Fertilidade do Solo: Baixa

Mais Informação

Peso 10 kg